Cursos instrumentais: 5 critérios para escolher uma escola de línguas

Para melhor capacitar os funcionários da sua empresa você pode oferecê-los cursos de idiomas. Para isso é necessário ter alguns critérios em mente.

Os cursos internos de línguas nas empresas representam geralmente um investimento financeiro significativo. De modo a maximizar as suas chances de sucesso, certifique-se escolher uma escola de línguas reputada por oferecer serviços de qualidade. Cinco critérios a ter em mente para encontrar os melhores cursos de línguas:

1. FORMAÇÃO DO PROFESSOR

Alguém que tenha viajado sabe: uma das primeiras opções para ganhar algum dinheiro no exterior é ensinando línguas. Eu sou Francês, eu sei a minha língua materna, eu consigo dar aulas de Francês, correto? Não. Para ser professor de línguas é necessário ter formação linguística e pedagógica.

2. A ESPECIALIZAÇÃO DO PROFESSOR

Os cursos de línguas para adultos não são ensinados da mesma maneira que os cursos para crianças; uma classe particular não é gerenciada da mesma maneira que uma classe de grupo de quinze alunos; os cursos internos instrumentais são diferentes de outros tipos de cursos. Portanto, você precisará pedir à sua escola de línguas professores especializados no tipo de ensino que você precisa.

3. ADAPTAÇÃO DO PROGRAMA DE ESTUDOS

As escolas de línguas que fornecem serviços de idiomas à empresas são capacitadas a planejar os cursos definindo objetivos, como liderar um grupo, como transferir conhecimento, etc. Mas, finalmente, é você quem conhece suas necessidades e objetivos.

Certifique-se de que a escola de idiomas que você escolheu tenha a adaptabilidade necessária para tornar seus cursos adequados às suas necessidades e alcançar seus objetivos.

4. OBJETIVOS

Aprender um novo idioma tem muitos benefícios para os funcionários de uma empresa. No entanto, este treinamento também deve beneficiar a própria empresa. Para que isso aconteça, é importante estabelecer objetivos e é necessário que a escola se comprometa com seus alunos alcançando esses objetivos.  Isto implica:

  • um planeamento realista e personalizado,
  • um monitoramento ao longo da progressão dos alunos e,
  • avaliações regulares.

A sua escola de línguas deve estar apta para proporcionar estes tipos de serviços.

5. MATERIAIS PEDAGÓGICOS

Durante a entrevista, peça para dar uma olhada no material didático utilizado. Mesmo que não saiba nada de pedagogia nem do idioma que será ensinado. Porque – acredite ou não – o ensino de línguas é uma ciência que evolui e progride. Os idiomas já não são ensinados como eram em 1950. Nem como eram ensinados em 1990.
Portanto, certifique-se de que os métodos utilizados são relativamente recentes e diga não às cassetes…

Alternativamente, e isto é recomendável, peça à escola para lhe dar uma lista de clientes e faça uma pequena investigação na web para conhecer sua reputação.

Descubra nossa agência de tradução.